4 Dicas para um condomínio eficiente

Condomínio eficiente: tecnologia, transparência e comunicação são bases que podem te ajudar.

 

Quer ter um condomínio eficiente? Então é bom começar a se planejar. Mais da metade do ano se foi, mas para muita gente ainda falta muito tempo para a virada. Não se engane! É tempo de se planejar e pensar em como tornar o seu condomínio mais eficiente, seja nas rotinas diárias ou nas contas no final do mês. Quando você piscar os olhos, já chegamos no início de mais um ano.

Nesse artigo, vamos te dar algumas dicas de como você pode pensar no assunto e adequar à realidade do seu prédio ou do seu condomínio. Veja!

 

Tecnologia

Mais do que nunca as mudanças para um mundo mais digital e cheio de tecnologias estão dominando o nosso dia a dia, e por que não utilizar essa mesma tecnologia a nosso favor?

 

  1. QR Code: para facilitar a localização de problemas relatados por moradores, instale QR Codes nos andares e espaços coletivos do seu condomínio. Dessa forma, quando a pessoa fizer alguma reclamação, como, por exemplo, uma lâmpada queimada ou um vazamento basta que ele posicione a câmera do seu smartphone no código para que seja direcionado automaticamente para uma tela que registre a reclamação

Para o administrador a mensagem cai instantaneamente fazendo com que ele saiba exatamente onde atuar e tome as providências necessárias com mais agilidade.

 

  1. Sistema de Condomínio: tenha um sistema no seu condomínio onde ficam os principais memorandos, o regimento interno e outras informações relacionadas à vida dos moradores. Nesse sistema, insira também um agendamento online de espaços de festa. Dessa forma é possível que o morador agende ou cancele o seu evento e ainda ajuda aos seus vizinhos a identificarem quando o local já está reservado.

 

Transparência e Comunicação

Transparência é essencial para uma gestão de condomínios e evita desconfortos e desgastes com os outros moradores. Para isso, além de usar a tecnologia para publicar informações sobre o prédio, proponha novas formas de comunicação.

 

  1. Crie fóruns: nesses momentos trate de assuntos do prédio com os demais moradores, alem das assembléias ou reuniões de condomínio. Preste contas, apresente melhorias criadas por sua gestão e deixe um canal de comunicação aberto para que as pessoas possam opinar.

 

  1. Previna-se: já diz o ditado que prevenir é melhor do que remediar. Tenha em mente que a manutenção de equipamentos é essencial para que o valor gasto com reparos imprevistos não assuste os moradores. Portanto, mantenha um calendário de manutenção e siga-o, e claro, não deixe de comunicar com os moradores seja no sistema, por comunicados internos ou até mesmo por grupos de whatsapp que estão cada vez mais comuns.

 

 

Essas dicas são suficientes para que você comece a pensar em como a gestão do condomínio pode ser mais eficiente e simples desde que você esteja aberto às nova tecnologias. Agora é só pensar de que forma essas dicas podem ser colocadas em prática aí no seu prédio.

Gostou desse artigo? Não se esqueça de compartilhá-lo em suas redes sociais. Até a próxima!

Deixe um comentário
Share This